Instituto de Física
Universidade Federal Fluminense

Com uma caixa de bombons de dois sabores, um garoto aficionado por chocolate (e por surpresas) nos ensina que, às vezes, é preciso olhar para um problema matemático por diversos ângulos, até chegarmos a uma forma simples (e divertida) de resolvê-lo 

CRÉDITO: FOTO ADOBE STOCK  

Joãozinho gosta de chocolates. Mas também de surpresas. Então, decidiu fazer uma brincadeira: de uma caixa de bombons com quatro deles de chocolate e seis recheados com morango, ele escolhe um aleatoriamente e o come. E vai repetindo esse procedimento.
Qual a probabilidade de ele terminar os bombons de morango primeiro?

Relembrando: a probabilidade de um evento é uma medida matemática do quão provável é sua ocorrência. É um número entre 0 e 1. Se P (de probabilidade) for 0, o evento é impossível; se 1, ele ocorrerá.

Outro fato importante: se um evento tem probabilidade P de ocorrer, ele terá probabilidade (1 – P) de não ocorrer. Na prática: qual a probabilidade de o número 3 sair em um dado? A probabilidade de ele sair é uma chance em seis delas. Então, P = 1/6. E a de ele não sair? Esta será (1 – P), ou seja, 1 – 1/6 = 5/6.

Guarde isso na memória, e voltemos à brincadeira de Joãozinho.

CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA ASSINANTES

Para acessar este ou outros conteúdos exclusivos por favor faça Login ou Assine a Ciência Hoje.

Outros conteúdos desta edição

725_480 att-82290
725_480 att-82269
725_480 att-82066
725_480 att-82314
725_480 att-82234
725_480 att-82133
725_480 att-81998
725_480 att-82279
725_480 att-82058
725_480 att-82036
725_480 att-82151
725_480 att-82044
725_480 att-82347
725_480 att-82341
725_480 att-82173

Outros conteúdos nesta categoria

725_480 att-87646
725_480 att-87202
725_480 att-86475
725_480 att-86019
725_480 att-85747
614_256 att-85214
725_480 att-84801
725_480 att-84371
725_480 att-83992
725_480 att-83589
725_480 att-83236
725_480 att-82663
725_480 att-81721
725_480 att-80971
725_480 att-80681